top of page

Qual o nível mínimo de vitamina D recomendado?

Olá pessoal! No post de hoje abordaremos a vitamina D. É importante destacar que um nível abaixo de 20 não é considerado normal. Vamos discutir os problemas associados à deficiência de vitamina D, bem como comparar a qualidade de vida de uma pessoa com baixos níveis de vitamina D em relação a alguém com níveis mais adequados.

Primeiro, é crucial entender que diferentes tipos de vitamina D têm funções essenciais em nosso corpo. Vamos considerar um exemplo com duas histórias fictícias: Francisco e José Manoel.

Francisco é um trabalhador rural que mantém níveis adequados de vitamina D (entre 60 e 70) devido à exposição ao sol e um estilo de vida saudável. Ele tem uma saúde robusta, menor risco de doenças autoimunes, boa massa muscular e ossos fortes. Francisco vive em harmonia com a natureza, acordando cedo e mantendo uma alimentação natural.

Por outro lado, José Manoel, que mora na cidade, sofre de dores de cabeça, fadiga constante e falta de energia. Ele não se expõe ao sol regularmente e, consequentemente, mantém níveis de vitamina D extremamente baixos, normalmente entre 10 e 15. Isso o torna mais vulnerável a doenças autoimunes, enfraquecimento muscular, ossos frágeis e infecções graves.

A vitamina D não é apenas essencial para ossos saudáveis, mas também para o sistema imunológico. Pessoas com níveis baixos de vitamina D enfrentam um risco elevado de infecções graves, incluindo rinites, doenças alérgicas e câncer no futuro.

A deficiência de vitamina D se tornou mais comum desde a Revolução Industrial, quando as pessoas migraram das áreas rurais para as cidades. O raquitismo, uma doença óssea causada pela falta de vitamina D, ressurgiu em algumas regiões devido à falta de suplementação adequada na infância.

Um estudo recente mostrou que níveis muito baixos de vitamina D (abaixo de 12 ng/ml) estão associados a um risco significativamente maior de morte em pacientes hospitalizados com infecções graves. Isso enfatiza a importância crucial da vitamina D na resposta do sistema imunológico.

Embora a recomendação seja manter os níveis acima de 40 ng/ml, algumas pessoas podem ter dificuldades em alcançar esse patamar devido a condições que afetam a absorção ou produção de vitamina D em seus corpos. É importante entender as causas subjacentes e abordá-las adequadamente.

Em resumo, manter níveis adequados de vitamina D é fundamental para a saúde geral do corpo. Níveis abaixo de 20 são considerados insuficientes, e é importante considerar uma suplementação adequada se necessário. A vitamina D desempenha um papel vital na imunidade, prevenção de doenças autoimunes e na manutenção de ossos e músculos saudáveis. Portanto, cuide da sua saúde e fique atento aos seus níveis de vitamina D!


Saiba como suplementar com vitamina D em nosso curso de formação em Terapeuta Ortomolecular

clique no link para saber mais : https://go.hotmart.com/G85323214P




2 visualizações0 comentário
bottom of page